Você já parou para se perguntar por que maio é o mês das noivas? Será apenas uma convenção comercial? Ou talvez exista alguma ligação entre o mês de maio e as noivas que justifique essa tradição?

Existem muitas tradições que parecem explicar por que maio se consagrou como o mês das noivas. Várias delas têm relação com antigos costumes e tradições europeias, assim, tudo leva a crer que essa convenção (como tantas outras!) foi difundida em todo o mundo ocidental pelos europeus.

Uma das hipóteses mais curiosas sobre a relação entre o mês de maio e os casamentos remonta à Idade Média. Sabe-se que o inverno europeu é muito rigoroso e, como naquela época não existia nenhum tipo de calefação nas casas, era comum que as pessoas passassem o inverno inteiro sem tomar banho. Em maio, quando a primavera atingia sua plenitude no hemisfério norte, as temperaturas ficavam mais amenas e era possível finalmente tomar banho. Então, não poderia haver melhor momento para celebrar um casamento do que este, quando os noivos estão limpinhos e cheirosos?

Além disso, no início da primavera os europeus costumavam fazer festivais para celebrar a natureza, que se renova nessa época. Ao longo do tempo, as ideias de renovação e fertilidade foram associadas à comemoração do amor no casamento. Junto com esse clima, o auge da primavera traz abundância de flores e transforma as paisagens europeias no cenário perfeito para realizar a união dos casais. As temperaturas mais amenas e a maior disponibilidade de flores para serem utilizadas na decoração são elementos levados em consideração pelas noivas até hoje!

Outra corrente, de cunho religioso, aponta para uma tradição católica. O mês de maio é consagrado à Maria, mãe de Jesus. Por isso, também é dedicado às mães. Como, em tese, a mulher que se casa deseja ser mãe um dia, poderia ter surgido daí a ideia de que as melhores datas para unir os casais seriam em maio.

Seja qual for a origem da relação do mês de maio com as noivas, o fato é que a tradição realmente “pegou” e todo o mercado de casamentos concentra seus eventos e promoções especiais nesta época. No entanto, ainda que o mês de maio seja bastante concorrido, não costuma ser o preferido das brasileiras para celebrar o grande dia. Segundo dados do IBGE, dezembro é o campeão de casamentos, provavelmente por causa das férias de verão e daquela ajudinha do 13° salário. Em segundo lugar, vem setembro – olha aí a conexão com a primavera de novo!! Só depois vem o mês de maio. Em alguns anos, é comum que ele caia mais algumas posições, pois os preços de artigos e serviços ligados às festas de casamento tendem a ficar um pouco mais caros nesse mês. No fim das contas, a maior variedade de flores na primavera e no verão acabam mesmo fazendo a cabeça das noivas!

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.